O QUE VOCÊ “TÁ” QUERENDO DIZER?

Vira e mexe eu fico triste, bem triste. E, quando isso acontece, eu me fecho, me recolho, me resguardo. Hoje, mais madura e mais consciente, eu percebo que esse é um movimento quase instintivo de me proteger, de botar minha capa de “fortona” e não mostrar pro mundo o quão vulnerável eu posso ser - tudo isso pra provar que não, não sou

O QUE VOCÊ “TÁ” QUERENDO DIZER?2020-11-11T21:15:08-02:00

ESTABILIDADE OU VERDADE. O QUE VOCÊ PREFERE?

Existe uma ilusão de que o processo de empoderamento pessoal vai ter, como resultado, uma vida maravilhosamente perfeita, sem crises, sem dores, sem dúvidas. Mas o que acontece quando embarcamos no processo íntimo de revolução é que nos deparamos com muitos desafios, resistências e fraquezas. Estar consciente de si, dos processos internos, das dores profundas não é um movimento fácil e muito menos

ESTABILIDADE OU VERDADE. O QUE VOCÊ PREFERE?2020-11-03T19:37:35-02:00

A “EU” DO FUTURO

Talvez exista uma Fernanda que já existe no futuro, uma 'eu' que já tomou as decisões difíceis, que já decidiu como rotas que me levarão a sucessos e os fracassos que hoje eu nem imagino quais são. Talvez exista, de fato, uma versão minha que eu ainda não conheço, que me convida a tomar atitudes que hoje não entendo, que me inspira a

A “EU” DO FUTURO2020-10-06T20:33:18-02:00

A VIDA ESTÁ SEMPRE EM CONSTRUÇÃO

A gente cresce pensando que a vida é um processo linear e que tem algum lugar pra chegar. Daí estuda, trabalha e ... bate aquela sensação de que tem alguma coisa errada, afinal nada saiu como você imaginava. É tudo mais complicado e sendo bem sincera, você não está feliz. Você não sente que "chegou" em lugar nenhum, mesmo tendo várias coisas realizadas.

A VIDA ESTÁ SEMPRE EM CONSTRUÇÃO2020-09-01T18:51:42-02:00

MINIMALISMO: CLAREZA, OBJETIVIDADE E GRATIDÃO

Em 2016 eu morei com uma amiga que me ensinou muito sobre o minimalismo. Quando ela mudou pra nossa casa ela veio de outra cidade e tudo o que ela tinha cabia num carro bem pequenininho. Nem cama ela tinha. Ela me contou que a ideia era só ter coisas que ela amava muito e que, claro, fossem úteis. Aquele conceito se encaixou

MINIMALISMO: CLAREZA, OBJETIVIDADE E GRATIDÃO2018-05-22T23:27:26-02:00