MORAR FORA: UM TURBILHÃO DE EMOÇÕES

Morar fora é mais difícil do que parece - quem viveu a experiência sabe Nos anos que morei fora, quando batia a tristeza, saudade e frustração de não ter certezas sobre o meu futuro, eu ouvia as famosas frases de consolação: “Não reclama porque esse é o sonho de um monte de gente e você tá aí - aproveita!” “Ahh quem me dera

MORAR FORA: UM TURBILHÃO DE EMOÇÕES2020-12-28T18:45:17-02:00

A “EU” DO FUTURO

Talvez exista uma Fernanda que já existe no futuro, uma 'eu' que já tomou as decisões difíceis, que já decidiu como rotas que me levarão a sucessos e os fracassos que hoje eu nem imagino quais são. Talvez exista, de fato, uma versão minha que eu ainda não conheço, que me convida a tomar atitudes que hoje não entendo, que me inspira a

A “EU” DO FUTURO2020-10-06T20:33:18-02:00

A VERDADE É QUE TE ENGARAM

A verdade é que te enganaram, te distraíram com buscas externas e você acreditou que sua felicidade dependia do peso na balança, do extrato da conta bancária, do seu estado civil. Te convenceram que você não é boa o suficiente e você acabou se esquecendo de quem você é de verdade. Mas sabe quando você vai sentir paz e tranquilidade na sua vida?

A VERDADE É QUE TE ENGARAM2020-09-04T01:01:14-02:00

ATÉ QUEM TÁ BEM, TÁ MAL EM ALGUMAS COISAS… E TUDO BEM

A menina gostosa também se sente insegura. A mulher bem sucedida também tem medo de fracasso. Aquela da família perfeita também se sente sozinha, e a louca da balada também fica triste. Você fica aí achando que é só com você que as contas não fecham e não percebe que o medo, a dúvida e a solidão são companheiros de todos nós. Tá

ATÉ QUEM TÁ BEM, TÁ MAL EM ALGUMAS COISAS… E TUDO BEM2020-09-04T00:47:21-02:00

FAZ SENTIDO PRA VOCÊ?

A verdade é que eu não ando bem. Tenho passado por um ano intenso, instável e de muitas mudanças. Vira e mexe eu me sinto fragilizada, vulnerável e sobrecarregada com tanta emoção vindo ao mesmo tempo. Mas eu tenho percebido que eu não sei lidar muito bem com meus momentos de dor. Se bate uma ‘bad’ e eu fico triste, com raiva ou

FAZ SENTIDO PRA VOCÊ?2018-08-11T01:05:48-02:00

A DÁDIVA QUE VIVE NO PRESENTE

Em setembro do ano passou eu voltei pro Brasil. Eu, que nos 11 anos que morei na Austrália NUNCA tive vontade de voltar a morar aqui, comecei a sentir um chamado profundo pra voltar pra casa, pra São Paulo. Quando as pessoas me perguntam porque eu quis voltar eu me pego sempre dizendo: “ahh, minhas amigas e meus primos estão tendo filhos e

A DÁDIVA QUE VIVE NO PRESENTE2018-06-07T22:16:10-02:00
Ir ao Topo