QUASE DESISTI DE MORAR FORA

Três meses depois de chegar na Austrália e começar meu novo trabalho como cleaner, liguei pra uma amiga enquanto jantava. Entre uma garfada e outra, eu chorava e falava: “Amiga não sei se eu vou dar conta, é muito puxado, tô cansada, não sei se é pra mim” E ela, com uma voz meio “Fernanda sua louca”, disse: “Fê pelo amor de Deus