FINALMENTE CONHECI MINHA MÃE

Um dia no ônibus, quando eu estava com uns 28 anos, eu tive um insight: “nossa, minha mãe me teve com essa idade!”   Depois de alguns segundos de reflexão, veio o pensamento: “aaaff imagina eu ter filho agora? Não estaria pronta nunca”.   Nesse dia eu vi, pela primeira vez, minha mãe como mulher e não como a minha super-heroína.   Eu

FINALMENTE CONHECI MINHA MÃE2020-11-11T21:21:02-02:00

QUER SABER? NÃO ME IMPORTA

Quer saber? Não me importa a sua melhor versão. Eu não quero saber quem você é na sua perfeição. Eu quero saber da sua VERDADEIRA versão. Eu quero ver sua verdade, quero ver sua luz e quero ver sua sombra também. Quero ver você sendo sincera com você mesma antes de mais nada. Quero ver você se reconhecendo sabendo que é uma obra

QUER SABER? NÃO ME IMPORTA2020-10-13T21:56:23-02:00

PROPÓSITO? TA AQUI!

A vida não tem significado, quem dá o significado é você. O seu propósito não é específico, não é único, não é um só. Ele é plural, múltiplo, profundo, assim como você. Porque o seu propósito é simplesmente ser você - sem as amarras do passado, sem as limitações que você mesma se impôs, sem medo de expressar sua verdade. Seu propósito é ser você. Assim. Do

PROPÓSITO? TA AQUI!2020-09-28T20:50:53-02:00

SEMPRE ACHEI QUE HAVIA ALGO ERRADO COMIGO

Por muito tempo eu achei que há algo errado comigo porque eu faço tudo quanto era curso, terapia, viagem e nada preenchido o vazio que existia dentro de mim. Eu sentia que eu já tinha tentado de tudo e nada funcionava. E se você também se sente assim eu preciso te falar que a verdade é que tem mesmo algo errado com você. O

SEMPRE ACHEI QUE HAVIA ALGO ERRADO COMIGO2020-09-08T18:38:54-02:00

SUPER-HEROÍNA

Um dia no ônibus, quando eu estava com uns 28 anos, eu tive um insight: “nossa, minha mãe me teve com essa idade!” Depois de alguns segundos de reflexão, veio o pensamento: “aaaff imagina eu ter filho agora? Não estaria pronta nunca”. Nesse dia eu vi, pela primeira vez, minha mãe como mulher e não como a minha super-heroína. Eu sempre admirei demais

SUPER-HEROÍNA2020-09-04T00:55:04-02:00

MONTANHA RUSSA DE EMOÇÕES

Minha vida sempre foi uma verdadeira montanha russa de emoções. Muitas mudanças, muita expansão e transformação. Ao mesmo tempo, muito vazio, muito conflito interno e sofrimentos ao deixar pra trás muitas coisas e pessoas que eu amo. Se por um lado eu transbordo, por outro me falta. Ou seja, lidando com a natureza cíclica da vida, com o movimento inevitável de inícios e términos

MONTANHA RUSSA DE EMOÇÕES2020-09-02T19:07:13-02:00

POR ANOS ACHEI QUE TINHA ALGO MUITO ERRADO COMIGO

Por anos eu achei q tinha alguma coisa muito errada comigo por conta dos meus altos e baixos. Tentei me consertar por um tempão procurando a fórmula mágica pra estabilidade, pra paz e felicidade constante. Foi só agora, na fase dos 30, que eu entendi que não adianta o quanto eu tente, eu não sou estática. E mais do que isso, descobri que no meu

POR ANOS ACHEI QUE TINHA ALGO MUITO ERRADO COMIGO2020-08-25T00:26:29-02:00

VOCÊ PODERIA VER O TODO

Eu já era adulta quando vi, pela primeira vez, essa foto da minha mãe. Foi tirada dois anos antes de eu nascer, quando ela ainda não era mãe de ninguém, só filha. Uma menina, posando para a fotografia com uma boia, toda doce. Foi muito louco porque, naquele instante, eu percebi que tinha uma visão limitada dela, como se ela fosse apenas a

VOCÊ PODERIA VER O TODO2020-05-12T16:57:31-02:00

ESCREVENDO COM A ALMA

Amiga, mais um ano se passou. Mais um ano de transformações, de começos e términos. Mais um ano em que aprendemos um pouquinho mais a respeitar o ritmo da vida, a entender o movimento das coisas e a dançar junto com ela. Foi um ano de muitos presentes, mas também muitos desafios. Deixamos lágrimas, gritos e dores nesse 2017, mas também levamos memórias,

ESCREVENDO COM A ALMA2018-01-19T00:00:51-02:00

O TODO

Eu já era adulta quando vi, pela primeira vez, essa foto da minha mãe. Foi tirada dois anos antes de eu nascer, quando ela ainda não era mãe de ninguém, só filha. Uma menina, posando para a fotografia com uma boia, toda doce. Foi muito louco porque, naquele instante, eu percebi que tinha uma visão limitada dela, como se ela fosse apenas a

O TODO2018-01-19T00:25:45-02:00